Menu

Rádio

www.radiorosamistica.com

Rosa Mística

Evangelho do dia 13/04

13 ABR 2019
13 de Abril de 2019

João 11 , 45-56.    

 

“Muitos dos judeus, que tinham vindo a casa de Maria e visto o que Jesus fizera, creram nele. Alguns deles, porém, foram aos fariseus e lhes contaram o que Jesus realizara.

Os pontífices e os fariseus convocaram o conselho e disseram: “Que faremos? Este homem multiplica os milagres. Se o deixarmos proceder assim, todos crerão nele, e os romanos virão e arruinarão a nossa cidade e toda a nação.”

Um deles, chamado Caifás, que era o sumo- sacerdote daquele ano, disse-lhes: ‘Vós não entendeis nada! Nem considerais que vos convém que morra um só homem pelo povo, e que não pereça toda a nação.” E ele não disse isso por si mesmo, mas, como era o sumo- sacerdote daquele ano, profetizava que Jesus havia de morrer pela nação, e não somente pela nação, mas também para que fossem reconciliados à unidade os filhos de Deus dispersos. E desde aquele momento resolveram tirar-lhe a vida. Em conseqüência disso Jesus já não andava em público entre os judeus. Retirou-se para uma região vizinha do deserto, a uma cidade chamada Efraim, e ali se detinha com os seus discípulos.

Estava próxima a páscoa dos judeus, e muita gente de todo o país subia a Jerusalém antes da páscoa para se purificar. Procuravam Jesus e falavam uns com os outros no templo:

“Que vos parece? Achais que ele não virá a festa?”

 

Meditando a Palavra:

 

“Disse Caifás: vós não compreendeis nada, e nem mesmo refletis ser do vosso interesse que um só homem morra pelo povo e que não pereça a nação inteira.”

 

O evangelho de hoje nos ensina que a decretação da morte de Jesus é acompanhada de um forte apelo político. Melhor Jesus morrer do que acontecer algo pior para Israel, diz Caifás. João dá um sentido religioso à morte de Jesus. Jesus devia morrer para reunir os filhos de Deus que estavam dispersos. Também diz que Caifás profetizou. Tudo isto vem à luz graças o fim de Jesus – morte e ressurreição. Sem a ressurreição não poderíamos fazer esta leitura. Sem a ressurreição também não podemos sequer imaginar o projeto de Deus anunciado e vivido por Jesus.

Neste tempo de quaresma precisamos tomar consciência de que a morte em si é absurda, não tem sentido. Nós devemos dar sentido a morte e isso só é possível quando antes damos sentido a vida. Jesus para os seus, não podia morrer, mas de fato morreu, segundo a palavra de Caifás. Deus é quem entra para resgatar Jesus, tira-lo das entranhas da sepultura.

Fica conosco Senhor, e dá-nos amar, segundo a medida do teu amor para  que a nossa vida pessoal e comunitária esteja protegida por vós. Livra-nos Senhor, de todos os males e abençoa a nossa vida e o nosso trabalho. Amém.

Voltar

Rua Souza Dias s/n Lote 325
Icaraí - Niterói - Rio de Janeiro

Rádio Rosa Mística

Tenha também o seu site. É grátis!