Menu

Rádio

www.radiorosamistica.com

Rosa Mística

Evangelho do dia 08/01

08 JAN 2019
08 de Janeiro de 2019

Marcos 6, 34- 44. 

 

“Ao desembarcar, Jesus viu uma grande multidão e compadeceu-se dela, porque era como ovelhas que não tem pastor. E, começou a ensinar-lhes muitas coisas. A hora já estava bem avançada quando se achegaram a ele os seus discípulos e disseram: “Este lugar é deserto é já é tarde. Despede-os, para irem aos sítios e aldeias vizinhas a comprar algum alimento.”

Mas ele respondeu-lhes: “Dai- lhes vós mesmos de comer.” Replicaram-lhe: “Iremos comprar duzentos denários de pão para dar-lhes de comer”

Ele perguntou-lhes: “Quantos pães tendes? Ide ver.” depois de se terem informado, disseram: “Cinco, e dois peixes.” Ordenou-lhes que mandassem todos sentar-se, em grupos, na relva verde. E assentaram-se m grupos de cem e de cinqüenta. Então tomou os cinco pães e os dois peixes e, erguendo os olhos ao céu, abençoou-os, partiu-os e os deu aos seus discípulos, para que lhos distribuíssem, e repartiu entre todos os dois peixes. Todos comeram e ficaram fartos. Recolheram do que sobrou doze cestos cheios de pedaços, e os restos dos peixes. Foram cinco mil os homens que haviam comido daqueles pães.”

 

Meditando a Palavra

 

“Tomando cinco pães e dois peixes , elevou os olhos ao céu, abençoou, partiu os pães e deu-os aos discípulos para que distribuíssem.”

 

O evangelho de hoje nos ensina que ao multiplicar os pães, Jesus mostra-se profeta. Jesus, qual novo Moisés, ensina e alimenta o povo. Vejamos Num 27,16s: “Moisés disse ao Senhor: O Senhor Deus dos Espíritos de toda a carne escolha um homem que chefie a assembléia, que marche a sua frente e guie os seus passos, para que a assembléia do Senhor não seja um rebanho sem pastor.” Aos olhos de Jesus toda aquela grande multidão era como ovelha sem pastor. Por isso, Jesus mesmo, começa a ensinar e em seguida alimenta a todos com a multiplicação dos pães. A compaixão de Jesus faz entender a necessidade de uma intervenção milagrosa. Seus discípulos mostram a impossibilidade de dar pão para a multidão. A impossibilidade de alimentar a multidão com meios ordinários destaca o caráter do milagre.

A intervenção de Jesus e o alimento que é dado à vontade, lembra quando o povo peregrinava no deserto e comeu do pão, bênção de Deus, dada através de Moisés (Ex 16,20-35). Agora Jesus é o verdadeiro pastor e guia de Israel.

Dá ao povo o ensino e o alimento, garante a vida e fala de um novo tempo.

Hoje também a multidão das gentes necessita de ensino e pão para nutrir a vida e a esperança. Assim como Jesus, o bom pastor, o profeta dos novos tempos, alimentou a vida, também nós seus discípulos precisamos saber ver, compadecer e fazer algo para que não falte a bênção que faz o milagre acontecer. A multidão que ouvia Jesus quando se deu conta já não havia passado um bom tempo, tempo em que Jesus na sua compaixão toma para si a dor e dá o pão que garante a vida. Dá-nos, Senhor a graça de contigo caminhar.

Abençoa a nossa vida e o nosso trabalho. Amém.

Voltar

Rua Souza Dias s/n Lote 325
Icaraí - Niterói - Rio de Janeiro

Rádio Rosa Mística

Tenha também o seu site. É grátis!